ASX.TV: Miguel Rio Branco – “Sempre Futuro” (2011)

Encontros | Entrevistas :: 22/09/11
Sempre futuro
Miguel RIO BRANCO
por Paulo HERKENHOFF

Miguel Rio Branco é um artista com uma sintaxe muito própria. Na vanguarda da imagem internacional, começou como pintor, extendendo sua obra à fotografia e ao cinema, como plataformas para uma série de trabalhos cujo range extrapola a imagem impressa, as instalações, e a concepção da imagem dinâmica, há anos multiplicando o que pensamos ser o termo multimídia. Com livros lançados no Brasil e exterior e obras em renomadas coleções como a do Centre George Pompidou, Paris; Metropolitan Museum, NY, Guggenheim, NY; Museu de Arte Contemporânea de Tokio, MOT, entre outros, é um artista visual que acomoda com perfeição a proposta de “futuro” criada para esta edição do Paraty em Foco.

Para esse encontro, já antológico, do Paraty em Foco, a responsabilidade de conversar com um artista dessa envergadura é do capixaba Paulo Herkenhoff. Aos 62 anos, ele é um curador e crítico independente dos mais importantes cuja obra intelectual é das mais celebradas. Curador da influente 24 Bienal Internacional de São Paulo, foi diretor do Museu Nacional de Belas Artes, (MNBA) e Curador Geral do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro. Também foi Curador Adjunto de Pintura e Escultura do Museum of Modern Art, New York, MoMA e Curador do pavilhão brasileiro na celebrada Bienal de Veneza de 1997. Com uma série de livros que analisam a obra de Louise Borgeois ou Rebecca Horn, entre outros grandes artistas, Herkenhoff será o nosso interlocutor na difusão das ideias que permeiam a fotografia e a arte atemporal de Rio Branco.

Posted in Brazil and tagged , , .